Primeiro quero pedir desculpas. Por ter sumido daqui. Por não ter tido fôlego para escrever neste espaço. Porque tudo aqui é tão de verdade que às vezes eu fico fugindo… Se é que vocês me entendem… Este ano foi muito difícil para muita gente com quem falo. Para cada um, difícil de uma maneira. Eu não fugi à onda. Mas quero dizer que estou aqui, firme e bem mais forte. Claro que vocês já ouviram dizer que no fundo do poço tem uma mola, certo? E ela me jogou muito mais lá em cima do que eu estava. Conclusão: estou feliz. Muito feliz. Não adianta, esse é meu destino: ressurgir cada vez mais forte – sorry, turma do contra. Pois bem, quase que para fechar o ano em grande estilo, tivemos aqui na Casa Glamurama um evento muito especial, onde a estrela – além das convidadas mulheres, maravilhosas – era a psiquiatra Carmita Abdo, a maior especialista do País em sexualidade. Não posso nem descrever o quanto fiquei impressionada com a sabedoria, com o jeito simples de expor as ideias, com a mente aberta e ventilada da Dra. Carmita. Recebemos uma aula de como ser mulher nos dias de hoje. Para mim, foi uma experiência única: mediando a conversa e aprendendo muito. Só posso agradecer: a Dra. Carmita Abdo, uma mestra, à Carefree, que patrocinou esse momento tão especial, e à vida, que tem me brindado com algumas grandes dificuldades e com muita capacidade para enfrentá-las.